Uma casa Mid-century na Califórnia | Capítulo 1

Em Los Angeles, uma bela reforma deu fôlego novo à construção antiga

Quando a artista e designer de interiores Christa e seu marido Geoff estavam em busca de sua morada ideal em Los Angeles, na Califórnia, eles já sabiam que luz natural, privacidade, uma estrutura bem-feita e uma vista agradável eram características importantes, por isso essa casa ampla e antiga no bairro de Bel Air foi a descoberta perfeita para abrigar esse sonho. Apesar de, na época da compra, ela estar um tanto quanto detonada, a construção preenchia muitos desses requisitos, com dois detalhes que fizeram toda a diferença: uma arquitetura marcante que poderia ser recuperada e a paisagem inspiradora das montanhas de Santa Mônica ao alcance dos olhos. Com tanto potencial em mente, o casal se propôs a revitalizar o espaço e transformá-lo em um verdadeiro lar.

Pelo estado negligenciado da casa, tudo precisou ser renovado, desde o telhado até o piso. E já que uma grande obra era inevitável, os moradores aproveitaram a deixa para mudar alguns cômodos de lugar e até mesmo modernizar o layout geral. Tudo isso sem descaracterizar os elementos originais da arquitetura que eles mais gostavam: “Mantivemos a maioria das janelas; o teto foi lixado para valorizar a madeira natural; o carpete e o ladrilho dos pisos foram removidos e tivemos a base de concreto polida”, conta Christa. Enquanto Geoff se dedicou à área da piscina e ao paisagismo, ela ficou responsável pelo design e acabamentos internos.

Já que gosta de ambientes frescos e acolhedores, Christa teve como ponto de partida no projeto a valorização da iluminação natural, por isso ela abriu espaços e utilizou acabamentos que permitissem que a luz se movesse e desse uma sensação de arejado. “Depois que decidimos ter tetos de madeira e pisos de concreto, o restante dos materiais precisava ser simples e branco para equilibrar com essas texturas marcantes”, diz a moradora. Além disso, ela escolheu o mesmo azulejo azul para a prateleira da lareira e para o banheiro e, depois, pintou as portas para combinar com o novo clima. 

A grande inspiração de Christa para a casa foi o estilo Mid-century Modern, e essa influência é notável tanto na arquitetura quanto no mobiliário que compõe os ambientes. A maior parte dos móveis assinados ou até curiosos foi garimpada por Geoff, como a poltrona Eames Lounge; o armário azul da sala de estar e as cadeiras de jantar. E como – mesmo com bastante integração e diversas janelas – a casa possui muitas paredes para serem aproveitadas, Christa pôde expor um numeroso acervo de pinturas feitas por ela mesma. Outras de suas criações são as esculturas de formas humanas, que fazem companhia à trabalhos de madeira desenvolvidos por seu pai, o também artista Gene Guibord Martin.

Além do estilo Mid-century, a designer também se inspira muito nas paisagens únicas da Califórnia e no trabalho de artistas que admira, como Donald Judd, Cy Twombly e Agnes Martin. Com um clima próprio, caracterizado tanto pela arquitetura quanto pela presença da natureza ao redor do terreno e pelas referências pessoais do casal, esse lar é um belo descanso visual e energético para seus moradores. “Acho que minha casa é acolhedora, ensolarada, criativa e casual. E espero que eu também seja”, brinca Christa. * Amando o tour? Então veja a continuação no Capítulo 2!

Fotos por Maura Mello

CONTINUA

ONDE ENCONTRAR

PEÇAS INSPIRADAS NESSA HISTÓRIA

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


COMENTÁRIOS # 2

  1. Linda casa! Aconchegante, muita natureza, luz natural e leveza! Adoro madeira e vidro! Parabéns ao histórias de casa pelo bom gosto!

    Responder
    • Demais essa casa né? Ficamos tão felizes quando a descobrimos e mais ainda quando deu certo de fotografar em LA! 🙂 Obrigada pelo carinho.

      Responder