Férias dentro de casa: um apartamento Così | Capítulo 1

Mudanças pontuais trouxeram um clima de praia para o apê na cidade

As mudanças sempre foram uma constante na vida de Juliana, uma das criadoras da marca de decoração e objetos Così Home. Durante toda sua vida ela trocou de endereço com frequência, e às vezes até de cidade ou país, então consequentemente estava acostumada a fechar e abrir ciclos sem cerimônia, começando fases totalmente novas com brilho nos olhos. Essa inconstância a fascinava, mas com o passar dos anos a rotina foi acalmando e hoje ela mora há 6 anos no mesmo apartamento, um duplex compartilhado com Flavio, seu marido, e Nicolas, o filho do casal de apenas 4 meses.

Depois de tanto tempo em um só lugar, Ju começou a sentir um forte ímpeto de mudança. Ela e Flavio até cogitaram trocar de apartamento, porém após buscas frustradas decidiram que a melhor saída seria repaginar a decoração – e tentar gastar o mínimo possível para fazer isso. Se antes o estilo da casa era bem fun, colorido e maluquete, como ela mesma diz, agora os espaços transmitem tranquilidade e aconchego.

O clima praiano da nova decoração não aconteceu por acaso. Aliás, a grande inspiração para essa transformação impactante foi uma viagem que o casal fez para Tulum, no México, em 2018. Além das praias paradisíacas, o lugar os marcou profundamente por sua energia e estilo ‘laid-back’. “Foi especial porque foi quando abrimos as portas para tentar engravidar, então caprichamos nos hotéis. Eram tantas opções incríveis que ficamos em 3 hotéis diferentes para curtir um pouco de cada.  Acho que eu estava num momento tão leve e feliz que atrelei o meu estado de espírito com a vibe de lá”, Ju lembra.

Ju queria trazer essa descontração para o apê, mas Flavio não pensava em gastar muito e também não fazia questão de mudar, então a alternativa foi adaptar o que eles já tinham para conter os gastos. Antenadíssima no quesito decoração, a moradora usou vários truques para dar uma nova cara aos itens antigos, como nivelar o deck da varanda interna; pintar a moldura de um quadro e colocar nela um espelho; fazer um novo estofado no sofá e trocar seus pés de metal por madeira; e mudar a cor do gradeado do terraço de branco para preto. Mas talvez a principal peça repaginada seja a mesa de jantar: “Ela era retangular e ocupava muito espaço. Cortei-a ao meio e deixei quadrada, e usei a outra metade para pagar o fornecedor. A coloquei durante um tempo no terraço para detonar a madeira e depois vi que o formato quadrado não ia funcionar, então pedi para arredondarem”, ela explica.

A moradora mergulhou tanto nesse universo de materiais naturais que disso acabou surgindo o conceito para a nova coleção de peças da Così Home, com uma linguagem mais rústica e descontraída. Ju conta que a ideia inicial partiu da cortina de cordas criada por ela com toda a dedicação como divisória na sala, e depois as coisas foram fluindo para o restante dos itens. Para deixar a coleção ainda mais incrível, a marca convidou o designer Maurício Arruda para desenvolver esses produtos em conjunto.

“O trabalho dele sempre teve muito a ver com o nosso universo, e como buscávamos alguém para a nossa segunda collab, não pensamos em mais ninguém, tinha que ser ele!  Por estar sempre montando espaços fora do comum, o Maurício sabia exatamente que tipo de produto fazia falta na hora de completar a decoração.  Então juntamos o bom gosto das duas partes com o conhecimento técnico dele e ficou uma coleção linda, atual e funcional”, ela diz.

ONDE ENCONTRAR

PEÇAS INSPIRADAS NESSA HISTÓRIA

O quarto de Ju e Flavio fica no andar superior do apartamento e por isso é mais compacto. A moradora não conseguiu mexer tanto na decoração, pois a cama larga ocupa a maior parte do espaço, mas ela aproveitou as paredes para poder dar sua repaginada. Como seus pais mudaram de endereço recentemente, eles tinham sobras de tintas de várias cores, então Ju aproveitou esses restinhos para pintar trechos da casa. Em uma dessas paredes, ela fixou um tapete de forma criativa, como se fosse uma obra de arte.

Para Ju, decorar a casa é uma oportunidade de contar sua própria história e reviver memórias. Ao escolher e garimpar peças, ela busca objetos com significado afetivo, e não somente estética. Talvez seja por isso que o apê transmita tanto aconchego e felicidade. “Acho que a vibe praiana e descontraída reflete nossa personalidade. Sentimos muita falta da praia, de estar com roupas leves e curtindo um som! Tentamos trazer a sensação de férias pra dentro de casa e quando o sol aparece, esse é o sentimento que temos”, ela fala. * Acompanhe a continuação dessa história no Capítulo 2!

Fotos por Rafaela Paoli, do Estúdio Pulpo

CONTINUA

ONDE ENCONTRAR

PEÇAS INSPIRADAS NESSA HISTÓRIA

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


COMENTÁRIOS # 21

  1. Olá!

    Gostaria de saber da onde é o tapete da sala. AMEI

    Um beijo

    Responder
  2. Posso fazer cortina multiplicando o tecido por 2 em de 3? Na largura…

    Responder
  3. Eu adorei o estilo boho e amei os dois sofás, adoraria saber de onde são?!

    Responder
    • Oi Gio, tudo bom?
      O sofá cinza é da loja Carbono Design e o bege é da Oppa, mas foi totalmente reformado pela moradora.
      Bjs

      Responder
  4. Lindo demais!!! Amei o quadro de madeira e pedra acima do sofá, onde consigo encontrar? =)

    Responder
    • Olá, foi comprado em uma galeria de arte que ficava no shopping D&D, mas o lugar fechou 🙁 bjs

      Responder
  5. Bonitas sugestões !! Gostei da decoração.

    Responder
  6. Como sou apaixonada pelas matérias de vocês, que casa linda, morar ai é está de ferias o ano todo.
    Parabéns, parabéns

    Responder
    • Oie! Ai, que amor. Obrigada. Ficamos super felizes. Escolhemos todas as histórias com muito carinho, então todas elas refletem isso. Beijos!!

      Responder
  7. Nossa, amei esse quadro verde “fotossíntese”.
    De onde é?

    Responder
  8. tudo lindo

    Responder
  9. Gente, e esse cacto de palha e esse tapete na parede??? Gostaria de saber de onde são, mas suspeito seriamente que trouxeram de viagem…

    Responder
  10. Não tô conseguindo formular um comentário…
    Mas como uma boa mineira vou falar assim: Nó! Que arraso!!!
    Acho que resume bem… 🙂

    Responder
  11. Das casas mais lindas que vi!! Adorei os quartos

    Responder
    • Nós também gostamos muito do apê da Ju, tem bem o jeito dela. Amanhã vamos mostrar mais detalhes lindos, fica de olho!

      Responder