De malas prontas: Puglia

Conheça essa incrível região da Itália pelo olhar do arquiteto Andrew Trotter

É uma delícia mudar de ares de vez em quando, né? E se tem um assunto que a gente ama tanto quanto decoração, é viagem! Pensando nisso, criamos uma coluna nova muito especial. Além de trazer dicas interessantes para quem vai viajar, queremos ir a fundo em cada cidade ou destino, e o melhor jeito de fazer isso é conversando com quem mais entende do lugar: seus moradores ou viajantes assíduos. As matérias dessa coluna são boladas por colaboradores convidados por nós – pessoas que admiramos por seu trabalho e que de quebra vivem em cidades incríveis espalhadas pelo mundo. Vamos viajar juntos?

Estreando essa série de matérias, o arquiteto Andrew Trotter nos empresta seu olhar inspirador para falar de um lugar que ele adora: a região de Puglia, na Itália. Andrew nasceu na Inglaterra, estudou design na Austrália e atualmente mantém um escritório em Barcelona, porém seu coração sempre retorna a este pedacinho da costa mediterrânea – e é fácil de entender o porquê. Além dos projetos de arquitetura e design de produtos, Andrew também é um dos criadores da Openhouse Magazine, uma revista de cultura e lifestyle sobre (e para) pessoas criativas ao redor do mundo.

PUGLIA por Studio Andrew Trotter

Eu tenho visitado Puglia regularmente pelos últimos 6 anos, e agora a região é minha segunda casa. Quase todo mês eu viajo para lá, seja a lazer ou a trabalho. Puglia está se tornando cada vez mais turística, mas ainda é fácil encontrar restaurantes tradicionais e pequenas cidades praticamente esquecidas pelo tempo. A comida está no coração de quem vive ali, e como o local possui as maiores plantações de oliveiras em toda a Itália, o azeite costuma ser o ingrediente principal.

CIDADES

Ostuni, La Citta Bianca: Mesmo sendo um pouco mais turística, é um destino imperdível. Essa bela cidade, empoleirada no alto de uma colina com vista para o mar, é um ‘must see’. Com suas ruas sinuosas e majestosas vilas, é um dos pontos mais bonitos de Puglia. Coma no Coffee and More, onde a Ursula faz as melhores saladas e sanduíches da região. O Monocelli é outro restaurante com ótimos pratos locais, e vale experimentar também o sorvete de pistache na Gelateria Borgo Antico.

Alberobello: Essa cidade chama a atenção principalmente pelos Trulli, que são construções branquinhas com telhados de pedra em formato de cone típicas do local. A área costuma ser bastante frequentada por turistas, porém é outro destino que merece entrar na lista.

Locorotondo, Citernino e Martina Franca: 3 cidades no lindo Valle d’Itria que são um esconderijo perfeito para quem quer escapar das multidões, com ruas tranquilas e arquitetura interessante.

Polignano a Mare: Outra cidade erguida no alto de colinas sobre o mar. Uma paisagem deslumbrante. Quando estiver lá, coma no restaurante Il Grottone.

Monopoli: Essa cidade é a ‘irmã’ tranquila de Polignano, por ser menos turística.

Lecce: Uma impressionante cidade barroca, com uma arquitetura que vai te surpreender e encantar. Passeie pelas ruas sem rumo, de dia ou à noite, e não vai se arrepender. Coma o prato Horse Stew Pasta no Bar Moro.

Galetina and Nardo: Cidades-irmãs pequeninas e similares a Lecce.

Santa Cesarea: Uma incrível e pequena cidade costeira com uma ótima piscina pública entre as pedras.

Otranto: Quando estiver lá, não perca o piso de mosaico da catedral.

ONDE COMER

Il Principe del Mare, em Saveletri: A melhor barraca de praia com peixe fresco. Um lugar básico e simples, mas é o meu favorito.

Miramare Da Michele, em Torre Santa Sabina: Um restaurante local e bem descontraído, com ótimos peixes e massas.

Bar Moro, em Lecce: O bar em si não tem nada de especial, mas amamos a massa com ragu de cavalo.

Jantar no Masseria Moroseta, em Ostuni: O Moroseta normalmente só está aberto aos hóspedes, porém na hora do jantar eles aceitam clientes de fora. A chef Gioriga é ótima.

La Taverna del Porto, em Tricase Porto: Um restaurante muito bom, com uma nova abordagem para pratos locais.

Farmacia Balboa, em Tricase: Eles têm ótimos drinks e vale também pegar uma pizza no restaurante ao lado.

Lido La Castellana, em Otranto: Um lugar muito legal para curtir uma massa perto do mar.

.

ONDE FICAR

Indico três lugares projetados por mim na região. O Masseria Moroseta, em Ostuni, hotel boutique com 6 quartos. A Villa Cardo, em Carovigno, uma casa com 4 quartos disponíveis para hospedagem. E a Villa Castelluccio, em Ceglie, com apenas 3 quartos.

Masseria Potenti, em Manduria: Uma antiga fazenda transformada em um lindo hotel por Maria Grazia e sua filha Chiara.

Palazzo dell’Elefante della Torre, em Galetina: Christian e Antonio transformaram esse palazzo de 300 anos de idade em uma pousada de 3 quartos repleta de móveis icônicos e mid-century.

Palazzo Daniele, em Gagliano del Capo: Um maravilhoso hotel gerido por Francesco e seu time.

Fotos por Salva López

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


COMENTÁRIOS # 13

  1. Olá, minha família é pugliesa, meu pai veio de lá. A região é muito, muito linda e a comida é divina. As fotos da matéria são belíssimas.

    Responder
    • Que máximo Salvatore! (O nome já denuncia as origens, hehe).
      Ainda não conhecemos Puglia pessoalmente, mas depois dessa história queremos MUITO visitar.

      Responder
  2. Temos intenção de talvez passarmos 1-2 meses nesta bela região. Somos um casal aposentado. O que vcs nos sugeririam?
    Casa? Pousada? A preços factíveis, confortável, possibilidade receber filhos e netos e facilidade de acesso. Além de comércio por perto.

    Responder
    • Oi Vera, tudo bom?
      Pela quantidade de dias que pretendem ficar e para ter possibilidade de receber pessoas, achamos que seria mais fácil alugarem uma casa mesmo.
      Bjs

      Responder
  3. Adorei as belas fotos minimalistas! Que lugares bonitos e diferentes, a arquitetura mediterrânea é maravilhosa! Muito bom gosto, parabéns pela novidade!

    Responder
    • Oie, tudo bom?
      Que demais que curtiu a novidade, ficamos super felizes. Ainda não conhecemos Puglia pessoalmente, mas agora queremos MUITO ir pra lá. 🙂

      Responder
  4. Parabéns, ficou lindo.

    Responder
  5. Maravilhoso!!! Cada vez mais fã!!!!!

    Responder
  6. Incrível, gente! Parabéns pela iniciativa.
    Já que foram citadas várias cidades, talvez nas próximas seja legal especificar o local de cada foto. 😉

    Responder