Escolhas afetivas em Portugal | 4 boas ideias

Memórias e garimpos compõem a decoração da editora Ana Dias Ferreira

Como reunir muitos objetos e livros em um apartamento não tão grande assim, mas ao mesmo tempo criar uma decoração leve e sem aquela sensação de acumulação? A jornalista portuguesa Ana Dias Ferreira conseguiu essa proeza usando recursos que podem te inspirar aí na sua casa também – principalmente se você precisa lidar com a questão da falta de espaço. Um exemplo bem simples? Manter paredes e tetos brancos para dar uma ilusão de amplitude. Quer saber mais sobre essas ideias? Então confira abaixo as dicas que pinçamos na história do casal.

1. Estante estreita no corredor: Se você, assim como a Ana, tem uma grande coleção de livros e não quer desapegar de nenhum, talvez possa bolar uma estante estreita em algum canto pouco aproveitado da casa, como o corredor. No caso da jornalista, a estante desenhada por ela é bem estreita para não atrapalhar a passagem, mas sobe até o teto, então consegue acomodar muitos títulos.

2. Bandeiras de vidro nas portas: A iluminação farta foi uma das coisas que chamou a atenção da moradora desde o primeiro dia em que ela botou os pés no apartamento. Para otimizar ainda mais a entrada de luz natural, as bandeiras originais das portas são de vidro – assim a luz pode passar de um cômodo a outro. Isso só é possível porque o pé-direito do imóvel é um pouco mais alto, mas vale salvar a ideia para uma reforma futura.

3. A leveza do branco: Como comentamos acima, uma das estratégias de Ana para deixar a decoração mais leve foi manter quase todas as paredes brancas – e também as portas, o teto e a marcenaria. Além de amplificar a iluminação e praticamente camuflar os armários maiores, a solução ajuda a destacar os quadros e objetos coloridos da moradora.

4. Mesa pequena dentro da cozinha: O cômodo não é muito grande, mas mesmo assim o casal quis colocar uma mesa para lanches rápidos no espaço. Além das refeições em si, o móvel pode servir de apoio extra durante o preparo de pratos mais elaborados, ou simplesmente ser um canto para sentar e tomar um chá apreciando a vista.

Fotos por Alessandro Guimarães

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    NOS VEMOS NO INSTAGRAM
    @historiasdecasa