Reunir os amigos em casa é a grande diversão da administradora Gio e de sua família. Seja ao redor da mesa, perto do bar ou ao ar livre no quintal dos fundos, o que importa é receber bem. A prioridade dos moradores durante a reforma foi reduzir as barreiras para aumentar o olho no olho. Afinal, com paredes a menos as pessoas interagem mais – e não restam dúvidas de que todos são bem-vindos nesse lar acolhedor.

Aberta para a sala e para a área externa, a cozinha é a estrela da casa. Com acabamentos em tons de azul, ela ganha destaque sobre o fundo branco que domina o restante da decoração – como se a própria arquitetura dissesse que o espaço é especial e merece todos os olhares. “Assim que eu entrei na casa, imaginei a cozinha ali desse jeito”, Gio conta. Os autores do projeto, Vitor Penha, Verônica Molina e Bianca Sinisgalli, do Estúdio Penha, transformaram em realidade o que a moradora havia pensado: com direito a churrasqueira, uma coifa de respeito e armários com um visual único.

Segundo a moradora, o quintal é praticamente uma sala – tanto que tem até lareira ao ar livre. “Usamos esse espaço todos os dias. O banco é uma delícia e a lareira é o grande hit”, ela diz. As plantas também são uma paixão de Gio e é nessa área descoberta que elas crescem sem fronteiras, escalando as paredes ou ocupando os cantinhos. “Sem as plantas acho que a casa fica sem alma. Amo temperos, flores, cactos e nossa jabuticabeira repleta de frutos”, completa. A textura dos tijolinhos e o piso forrado de pedriscos completam o refúgio.

Toda a casa tem bastante personalidade, então nos quartos não seria diferente. No espaço do casal vários elementos refletem o estilo dos moradores, como a coleção de chapéus ou a obra da artista plástica Patricia Bigarelli, feita especialmente para a parede de cabeceira da cama. Com os mesmos acabamentos na arquitetura, os quartos dos filhos têm detalhes que eles escolheram pessoalmente. “Cada um fez a sua decoração, eles que cuidaram disso. Eu só dei um auxílio”, Gio fala.

O lar da Gio é um lugar que faz sorrir. Longe de se enquadrar em um padrão ou estilo que muitos copiam por aí, sua casa tem tempero próprio. Escolhas pessoais e intrasferíveis, lembranças que importam mais do que a estética e um jeito todo original de misturar referências. Até nos detalhes mais singelos a alma dos moradores vem estampada, provando que o lugar mais pessoal de todos é a nossa casa.

Fotos por Gisele Rampazzo